“(…)
Um desejo, não de ser ave,
Mas de poder
Ter não sei quê do voo suave
Dentro em meu ser.”

Fernando Pessoa

Anúncios