o meu carro, salvo seja, o carro do meu pai hoje de manhã estava mal disposto. pu-lo a trabalhar e no caminho até ao café acendeu a luz do air bag e o pisca da esquerda piscava de forma intermitente, como se estivesse fundido. quando saí do café o filme era o mesmo. ai a minha vida! cheguei à curva dos pinheiros, parei, desliguei o carro e estive ali dois minutos. quando o liguei, tudo estava normal.
querem lá ver que rapaz tem personalidade?  eu gosto pouco de máquinas que avariam, aviso já!

[entretanto, estou com uma dor na lombar, que pareço uma entrevadinha a andar.]

Anúncios