andava à procura de uma coisa no site da tvi, quando me deparei com umas palavras do helder barbosa a dizer “sporting de braga está entre os três grandes”.
eu gosto do braga. tem tido treinadores que eu gosto (domingos e agora o josé peseiro, que para ser fabuloso só lhe falta ter mais pulso a lidar com as estrelas), tem jogadores que eu gosto. mas o braga não é, nem nunca há-de ser, um dos três grandes. ainda que esta carreira recente, de sucesso algo sustentado, possa levar a que se confundam as coisas. o braga até poderá a curto prazo ganhar um campeonato, uma taça de portugal, a taça da liga não, porque essa só o benfica ganha. mas isso não fará dele um dos três grandes.
o que faz os três grandes serem grandes é  a sua história. história essa que é feita de adeptos e sócios. o que faz um grande é que, em cada terrinha deste país, há um adepto de cada um deles. de norte a sul. de este a oeste. de nordeste a sudoeste. e de noroeste a sudeste. e isso, em Portugal, só está ao alcance do benfica, porto e sporting. por muito que isso chateie todos os outros.

Anúncios