a prova de que aquilo que os outros pensam sobre nós não tem importância nenhuma, por ser na maioria das vezes enviesado pelo própria realidade, é que toda a gente acha que eu faço imenso desporto só porque joguei futebol 12 anos e sou dirigente desportiva há 20.
não poderiam, no entanto, estar mais errados. eu gosto mesmo é de não fazer nada.

bem-vindo, 2016.
já aqui não venho há imenso, mas hoje apeteceu-me.

Anúncios